Networking ou Koinonia

Você sabe o que é networking? Atualmente esta palavra esta na moda e muitas pessoas falam e na verdade não sabem o que estão dizendo. Estas pessoas utilizam a palavra networking erroneamente, pensam apenas em acumular nomes em alguma agenda, caderno ou computador com a finalidade de ganhar vantagem em um momento de necessidade. Networking é uma rede social é uma estrutura social composta de indivíduos (ou organizações) chamados de “nós”, que estão ligados (conectados) por um ou mais tipos específicos de interdependência, como amizade, parentesco, interesse comum, troca financeira, relações sexuais, relações de crenças, conhecimentos ou prestígio.

Você sabe o que é Koinonia? É apalavra grega que significa comunhão ou relacionamento íntimo e sincero. O significado essencial da koinonia engloba conceitos como comunhão, participação conjunta, a partilha e a intimidade. A palavra é usada freqüentemente no Novo Testamento para descrever o relacionamento intimo no início da Igreja Cristã (Corpo de Cristo).

A diferença entre elas é a forma como são aplicadas na sociedade ou na Igreja.

Hoje muitos na igreja confundem networking com koinonia, pois o simples fato de freqüentar um templo, onde se presta culto a Deus, não quer dizer que tenha relacionamento com as outras pessoas, que também freqüentam o mesmo templo.

Comunhão (Koinonia) se adquire através do convívio, do relacionamento com as pessoas. O convívio na comunidade, o desenvolvimento de uma amizade, alcançando um relacionamento mais aprofundado, onde existe o conhecimento mutuo dos sonhos, anseios, necessidades, proporcionando a interseção e o apoio de uns pelos outros.

Conhecer pessoas (networking) é superficial, mantemos um relacionamento cordial, educado e de acordo com os bons costumes. Geralmente nesses relacionamentos não aparecem às necessidades e as aspirações, apenas temos a aparência de tranqüilidade e paz, pois é apenas superficial.

Alguns freqüentam a igreja, como uma rede social para fazer networking, utilizam a igreja como um local de encontro, para satisfazer seu ego, sua necessidade de convívio social, porém sem nenhuma profundidade, buscando apenas satisfação pessoal, aparentando ser cristão, mas sendo apenas joio. Isso é possível fazer, como de fato se faz, por alguns.

Relacionamento (koinonia) não há como ser praticado com falsidade, pois ao desenvolver uma vida em Cristo e com o seu Corpo (Igreja) há verdade, justiça e verdadeira paz.

Networking e koinonia convivem em todos os ambientes, mas as diferenças ficam mais claras na Igreja. O Senhor Jesus já alertou sobre essa diferença quanto expos a parábola do joio e do trigo, os quais convivem lado a lado. O trigo almeja a koinonia, já o joio apenas o networking.

Cabe ao trigo desenvolver com o joio a koinonia, levando-o a compreender a diferença entre as duas atitudes e principalmente levando-o a desenvolver um relacionamento intimo e profundo com o Senhor Jesus.

Networking ou Koinonia, o que você está desenvolvendo?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s