14 de Janeiro

José é um ramo frutífero, ramo frutífero junto a uma fonte; seus raminhos se estendem sobre o muro.Os flecheiros lhe deram amargura, e o flecharam e perseguiram, mas o seu arco permaneceu firme (Gênesis 49:22-24)

Dos vários servos de Deus no Antigo Testamento, José talvez seja o mais perfeito. Embora a Bíblia não revele nenhuma falha visível de caráter, sabemos muito bem que seu caminho não foi fácil. Quando seus problemas tiveram início? Certamente com seus sonhos, que representam uma visão espiritual. Neles, José viu o que Deus faria e qual era seu próprio lugar no plano divino. Foram seus sonhos que deram início aos problemas, pois ele viu o que seus irmãos não podiam ver. Eles o chamam de “o tal sonhador” e planejam sua queda. Deste modo ele foi vendido como escravo e colocado em grilhões de ferro (Salmo 105:17-18). Entretanto José sobreviveu a tudo para tornar-se, por fim, o meio de Deus cumprir um maravilhoso propósito para Seu povo. Aquele que pôde ver permaneceu firme até o fim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s